Muitas empresas compram racks ou armários de telecomunicações sem muitas vezes informações corretas para aquisição do produto que lhe atenderá dentro das suas necessidades.

Os racks ou armários de telecomunicações são estruturas que servem acondicionamento de equipamentos de redes, como switch, roteadores, servidores, distribuidores ópticos, patch panels, distribuidores intermediário digital. Eles são excenciais para que os equipamentos possam ser acondicionados e organizados corretamente.

Normalmente os racks são estruturas montadas num padrão de largura de 19 polegadas (482,60mm), para que os equipamentos de padrão universal de largura possam ser instalados na sua parte frontal.

A configuração de um rack não é padrão, ou seja, muitas vezes sua composição é definida através da empresa prestadora de serviço, obedecendo alguns padrões dentro da Norma 568 TIA/EIA.

Existem hoje no mercado 3 características básicas de racks ou armários de telecomunicações no mercado.

Rack Aberto: É construído numa estrutura consistente retangular fixada normalmente no piso, e indicada para ambientes protegidos, livres de pó e acesso de pessoas não autorizadas.

Rack Fechado: Possui portas de vidro ou acrílico, que tem a função de apresentar segurança e integridade para quem trabalha diretamente com os equipamentos acondiçoados dentro do rack ou armário de telecomunicação. Além da segurança outro ponto muito importante é a circulação de ar quente que normalmente é exalado pelos equipamentos ativos, (ligados na tomada de energia ), assim evita que os mesmos esquentem correndo riscos de queimarem. Seus padrões de tamanho de mercado variam de 16Us até 44Us.

Minirack: Tem praticamente as mesmas características do rack fechado, porém com tamanhos menores variando de 3U até 12Us, podendo ser fixados em paredes.

Para que o dimensionamento do tamanho do rack ou armário de telecomunicações saia corretamente, a empresa prestadora de serviço tem que primeiramente dimensionar todos os equipamentos e seus acessórios que vão ser acondicionados internamente. Existem casos de troca dos racks porque não foram calculados os acessórios que muitas vezes são essenciais para a organização dos equipamentos acondicionados dentro dos mesmos.

Para que um rack ou armário de telecomunicação seja instalado organizadamente, dentro dos padrões normativos para rede de dados, voz e imagem é necessário no mínimo a aquisição dos seguinte itens: guia ou organizadores de cabo, bandejas fixas ou deslizantes, réguas ou calhas de tomadas, kit rodízios, e unidade de ventilação forçada.

Embora os acessórios tenham medidas padronizadas, é possível garantir que um rack servidor personalizado possa ter características únicas que melhor atendam as necessidades de cada empresa. Este trabalho normalmente os prestadores de serviços devem orientar seus clientes da melhor forma possível para que não entregue um serviço de qualidade dúbia.

Contato: www.atttendenciastecnologicas.com.br